31 de dez de 2010

Retrospectiva 2010 em forma de Poema


Eu vi o programa Mesa Z em janeiro iniciar,
A UNEAL contra o governador na festa panfletar,
Telão na festa da padroeira, aos fiéis, mais uma vez, envergonhar;
E o nepotismo na prefeitura a solta rolar.

Eu vi edital de concurso as vagas não contemplar,
Vi merenda nas escolas faltar.
E antes da eleição do Conselho Tutelar,
Palhaçada rolar, pra candidata não entrar.
Eu vi merenda ser superfaturada,
E por conta disso, comissão especial ser criada.
Vi reforma ficar inacabada,
E construção de muro gastar mais do que estrada.
Eu vi eleição da UNEAL a democracia fortalecer,
Vi Parlamento Jovem acontecer.
Vi menino ser sequestrado,
E Juiz do cargo ser afastado.
Eu vi água entrar nas casas,
Vi pessoas ficarem arrasadas.
Eu vi nas ruas o povo gritar,
Que fome não vai passar.
Eu vi rádios à força emudecer,
Inimigos se entender em nome de sei lá o quê.
Vi secretárias serem retiradas,
E mulher na rua ser assaltada.
Eu vi Câmara ficar abusada,
Com a presença da moçada.
Eu vi lagarta se restaurar e eleição ganhar,
Vi hospital fechar, sem nenhum motivo bom apresentar.
Eu vi cantor em festa se irritar,
Eu vi lixão fogo pegar,
Podofilia manchete nacional virar,
E em União muita pizza rolar.
Eu vi continuarei vendo muito mais em 2011!

 
                                                           Sérgio Rogério
                                                           ACORDA UNIÃO

29 de dez de 2010

Análise de Charge sobre venda do SBT.

Diante de todo estardalhaço em torno da ajuda governamental para que o Banco Panamericano não quebre e a garantia dada por Sílvio Santos por meio do patrimônio juntado ao longo dos anos, nossos chargistas não poderiam ficar de fora. Como sempre, Sílvio Santos vem personificado com seu microfone e o sorriso largo. O discurso remete claramente ao jeito como o dono do Baú da Felicidade fala.

Fonte: blogdecharges.blogspot.com

27 de dez de 2010

O transtorno de personalidade borderline

O transtorno de personalidade Borderline ocorre mais frequentemente em mulheres (aproximadamente 75% dos casos). Ele é caracterizado pela instabilidade emocional, impulsividade, manifestações inadequadas de raiva, baixa autoestima, comportamento autodestrutivo, tendência ao suicídio, insegurança, hipersensibilidade às críticas, incapacidade em aceitar as regras e a rotina, expectativa de conseguir recompensas desproporcionais, intolerância à frustração e solidão, e medo de abandono – na maioria das vezes, irreal. As pessoas acometidas tendem a ter relacionamentos intensos, mas confusos e desorganizados: uma pessoa que, para o Borderline, é excepcional, em pouco tempo pode ser, sob sua ótica, a pior pessoa do mundo – basta não corresponder à sua idealização ou rejeitá-la sob a sua concepção, nem sempre verdadeira. Além disso, tais pessoas podem explorar e manipular os outros, algumas vezes de forma inconsciente; e, em alguns casos, também podem manifestar sintomas psicóticos.
Apesar de ter algumas características semelhantes ao transtorno afetivo bipolar do tipo dois, no transtorno Borderline, as oscilações de humor ocorrem com maior frequência, às vezes até em questão de minutos ou horas. Além disso, os traços depressivos do Borderline se caracterizam por sentimento de vazio e solidão; e raramente se manifestam juntamente com sentimento de culpa, autoacusação e/ou remorso.
Suas causas não são bem elucidadas, mas percebe-se que existe uma forte influência genética, associada a vivências traumáticas, sejam elas reais ou imaginárias, durante a infância; e stress ambiental, geralmente relacionado às relações familiares ou no trabalho. Alguns estudos apontam também uma redução do volume da amígdala e do hipocampo em pacientes com esse transtorno, mas ainda não se sabe se tais características estão relacionadas às suas causas ou às suas consequências.
As manifestações dos sintomas se iniciam, geralmente, na adolescência, e não regridem, a não ser que seja feito o tratamento, e de forma correta.
Quanto a ele, na maioria dos casos é necessário o uso de medicamentos, associado à psicoterapia. Essa última é imprescindível, mas exige paciência, persistência e disciplina; e deve ser feita por bons profissionais, já acostumados com esse tipo de transtorno, uma vez que não é fácil lidar com as mudanças repentinas de humor, cobranças, acusações e atos depreciativos que os mesmos podem dirigir àqueles com que se relacionam – inclusive o terapeuta.
Um bom acompanhamento médico permite que a pessoa tenha uma melhor qualidade de vida e, em muitos casos, desempenhe suas tarefas normalmente e tenha bons relacionamentos. O acompanhamento psicológico dos cuidadores também é importante, uma vez que os mesmos podem sucumbir frente à instabilidade emocional e exigências da pessoa acometida.

Fonte: Brasilescola.com


23 de dez de 2010

Verão de 2011 será mais quente do que a média, dizem meteorologistas.

O verão de 2011 terá temperaturas acima da chamada normal climatológica, segundo o Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos, do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Cptec/Inpe). A estação começou às 21h38 (no horário de verão), desta terça-feira (21).
“Isso significa que o verão de 2011 será tão quente quanto nos últimos anos, porque a normal climatológica é a média de temperaturas em um período de 30 anos, e no caso o cálculo é feito considerando o período entre 1961 e 1990, o que faz com que a média esteja levemente defasada”, diz ao G1 a meteorologista Priscila Farias, do Cptec/Inpe.
Devido à previsão de chuvas acima da normal climatológica no extremo norte do país, as temperaturas deverão estar mais amenas na região, mas ainda assim os dias serão quentes. Na Região Sul, a probabilidade é de chuvas abaixo da normal climatológica. Já nas regiões Centro-Oeste, Sudeste e Nordeste, as chuvas devem ficar dentro da normal climatológica.
“No Sudeste, o verão deve ter chuvas irregulares, ou seja, pode chover muito em um local, em pouco tempo, e em uma área próxima não chover. Isso é uma característica do verão, já que as chuvas nessa estação caem em forma de pancadas”, explica Priscila.
O verão é caracterizado por dias mais longos do que as noites, e é uma estação em que ocorrem mudanças rápidas nas condições diárias do tempo, causando chuvas de curta duração e forte intensidade, principalmente à tarde. Considerando o aumento da temperatura do ar sobre o continente, estas chuvas poderão ser acompanhadas por trovoadas e rajadas de vento, principalmente nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste.
“A previsão é de que o fenômeno La Niña, que representa o esfriamento nas águas superficiais do Oceano Pacífico Tropical, permaneça em atuação pelos próximos três meses, e isso leva a essa condição de mais chuvas no Norte e menos chuvas no Sul”, afirma a meteorologista. O verão termina em 20 de março, data em que começa o outono.

Fonte: ambientebrasil.com.br

20 de dez de 2010

O que é a amizade colorida?

Amizade colorida significa o relacionamento onde há interação sexual entre os comprometidos, como carícias, beijos, relações sexuais, características do namoro.
A diferença da amizade colorida para a amizade tradicional é devido à intimidade física dos participantes, sendo que não há compromissos com o outro, como o de fidelidade. Pode ocorrer de uma das pessoas envolvidas ajudar a outra a encontrar novos parceiros.
É possível pensar que amizade colorida é aquela que permite as pessoas não ter obrigações, exigir explicações; talvez com o intuito de procurar companhia e momentos de prazer recíproco.
Apesar de haver uma amizade entre essas pessoas, corre-se o risco de uma delas ou as duas, envolver além do que foi determinado, o que pode ocasionar no término da relação ou fazer com que essa acabe aos poucos.
A amizade colorida pode surgir no tempo em que as pessoas não podem ou não querem comprometer-se, estas ocorrem na maior parte das vezes quando as duas pessoas estão sem um namorado ou terminaram uma relação. A aproximação é facilitada pela intimidade, porém há uma confusão sobre o que é o relacionamento.
O fato da mulher se apegar ao amigo pode ser explicado pela confiança depositada no mesmo, acreditando que não será traída, uma vez que o amigo é bastante conhecido.

Fonte: Brasilescola.com

14 de dez de 2010

Professor Carlos Senna é entrevistado por um Blog da cidade.

Confiram uma entrevista especial direcionada ao prof. Carlos Senna, realizada por José Marcelo em seu Blog "JMarcelo fotos", Conheçam um pouco da vida do prof. Carlos Senna.
Acessem: http://jmarcelofotos.blogspot.com/search/label/Entrevistas

11 de dez de 2010

A escola como espaço de inclusão no cenário de desigualdades

Nosso país tem uma grande parcela de jovens que ainda se encontra excluída do sistema educacional, pelo descaso social, com necessidades de trabalhar para o sustento de suas famílias, tendo que às vezes ter tempo para procurar emprego, ou fazer “bicos”.
O incentivo que não existe a esse jovem que se encontra marginalizado pela sociedade, por questões sociais, “desigualdades” e até a estrutura familiar, vem contribuir para sua exclusão.
Boa parte de nossa infância e adolescência se dá na escola. A escola com função social de democratizar conhecimentos e formar cidadãos conscientes, participativos e atuantes é um direito de todos.
Os jovens aqui citados são jovens que estão fora dessa realidade, sem perspectivas, pois trocam o direito de estarem na escola para trabalharem, ou por se encontrarem excluídos procuram o mundo da marginalização, sem até mesmo terem opção.
A temática “exclusão” é um problema global que afeta a todos, onde os excluídos sem perspectivas procuram saídas às vezes sem volta e os que consideram incluídos numa sociedade de direitos são afetados pela repercussão que esse problema social gera.
Tendo em vista esta discussão sobre exclusão, consideramos a escola como berço do jovem para o exercício da cidadania.
A contribuição de todos é necessária para erradicar este problema. Poderes públicos e privados, ONG’s, assistentes sociais, educadores, comunidade, sociedade em geral devem firmar parcerias.
Discussões em todas instâncias devem acontecer, para projetarmos responsabilidades e ações. Várias propostas de projeto são lançadas com o propósito de somar a tamanho descaso, porém sua viabilidade depende da unificação de uma classe atuante a favor do direito de todo jovem na escola.
Acreditamos que através da cidadania, participação, democratização, co-responsabilidade, cooperação, parcerias, teremos um norte para trabalharmos em prol de mudanças, “inclusão” de nossos jovens.

Fonte: Brasilescola.com

5 de dez de 2010

Uneal realiza formatura do curso de geografia no campus V

Formandos em Geografia

Prof. Carlos Senna bastante animado


Foi realizada com muita alegria e emoção ontem (04), mais uma linda e organizada formatura do campus V da Uneal, na cidade de União dos Palmares-AL, desta vez, foram os alunos do curso de geografia que vibraram e comemoraram a sua formatura em licenciatura plena. A cerimônia contou com a presença do ilustríssimo reitor o prof. Jairo Campos, o diretor do campus V, prof. Reinaldo Sousa, os professores do campus, o secretário municipal de educação(prof. Josafá), os honrados formandos( inclusive eu, Carlos Senna) e seus familiares e amigos.

Prof. Carlos Senna e o reitor da Uneal

     PARABENS  AOS QUERIDOS E NOVOS PROFESSORES GEÓGRAFOS!!!

3 de dez de 2010

O Fanatismo Religioso


As religiões, pelo seu caráter transcendental, foram, muito mais que a política, as grandes formadoras de adeptos fanáticos. Isso se explica porque a palavra fanatismo - do latim fanaticus -, que vem de fanum = templo, lugar consagrado, significa aquele que era o possuído pelo deus. Assim, fanatismo é a cega obediência a uma idéia, servida com zelo obstinado, até exercer violência para obrigar outros a segui-la e punir quem não está disposto a abraçá-la.

A conseqüência imediata do fanatismo religioso é o sectarismo, que encarcera a liberdade de consciência, pretendendo uma liberdade dirigida na espera do pensamento, que torna o homem escravo de postulados que lhe proíbem a expansão da alma pela idéia e pela razão.

O fanático é a antítese do herói e do entusiasta. Enquanto o herói e o entusiasta lutam por uma causa justa, o fanático assume uma atitude de intolerância às idéias alheias. O herói e o entusiasta podem até morrer pela causa que defendem, mas jamais o fazem para aumentar o número de prosélitos. O fanático, contrariamente, não recusa meios violentos e até cruéis para os conseguir.

Os atentados terroristas de 11 de setembro de 2001, nos Estados Unidos, em que os próprios homens se transformam em bombas, é digno de lembrança. Pergunta-se: o que está por trás dessa resolução? Não é o fanatismo religioso? Se um líder faz a nossa cabeça, dizendo-nos que praticando tal ato nós seremos arrebatados ao céu, a sua ordem será imediatamente colocada em prática.

E os Espíritas? Estão eles isentos do fanatismo?

Como o fanatismo está geralmente ligado ao dogmatismo, isto é, à crença numa verdade ou num sistema de verdades que, uma vez aceitas, não devem mais ser postas em discussão e rejeitam a discussão com outros, é possível que o Espírita esteja sendo fanático, sem o perceber.

Allan Kardec, por exemplo, em O Livro dos Médiuns, fala-nos dos médiuns que só querem receber um único Espírito, dos que não aceitam críticas em suas mensagens e daqueles outros que só querem pensar pela própria cabeça. Diz-nos ainda que essas são as causas da obsessão e da fascinação: o começo de um monoideísmo, uma idéia fixa.

Urge tomarmos consciência de nossas ações. Quantas não são as vezes que queremos impor as nossas idéias ao grupo que freqüentamos? Lembremo-nos do provérbio que diz: "Todo o excesso é prejudicial". Procuremos sempre o meio termo como nos aconselhava o filósofo Aristóteles, que colocava a virtude no meio, ou seja, entre o excesso para mais e o excesso para menos. Não a colocava como uma média, mas como o ponto de equilíbrio entre os excessos.

Fonte do site: ceismael.com.br

1 de dez de 2010

Resultado da Enquete de novembro/2010.

Nosso BLOG durante o mês de novembro publicou uma enquete que levava os amigos internautas a responder a seguinte pergunta: "Você é a favor do ensino de educação sexual nas escolas?" Alcançamos um resultado que nos deixou bastante orgulhosos e contentes em relação a escolha feita em maioria de votos a favor do ensino de educação sexual no âmbito escolar, isso nos leva a entender que nossos internautas são inteligentes e compreendem que nossas escolas precisam avançar ainda mais no importante papel de educar e conscientizar os alunos sobre a sexualidade, que infelizmente ainda tem sido um sério tabu em inúmeras  salas de aula.

Com isso o Blog Democratizando o Saber, vem em público agradecer a você que durante o mês de novembro, contribuiu com seu voto sério e honesto, que só fortaleceu o nosso trabalho. Obrigado a todos.

Resultado da enquete:

SIM- 28 votos
NÃO- 04 votos
Total de votos- 32 votos