27 de out de 2013

Lei Seca no Brasil é tema de redação do ENEM 2013

O MEC (Ministério da Educação) divulgou neste domingo (27) que o tema da redação do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) 2013 é "Efeitos da implantação da Lei Seca no Brasil". Os candidatos terão 5h30 para escrever uma redação sobre esse tema e responder a 90 questões de múltipla escolha sobre linguagens e códigos e matemática.

Segundo o ministério, "os participantes devem desenvolver um texto dissertativo-argumentativo segundo os critérios definidos no edital do exame" a partir de "leitura dos textos motivadores apresentados no exame".

Este ano, a redação terá correção mais rigorosa. Após textos com hino de time e receita de macarrão no ano passado, o MEC (Ministério da Educação) prometeu que redações com gracinhas e com trechos desconexos receberão zero.

A correção também será mais exigente em relação a erros de ortografia, serão aceitos como excepcionais e sem reincidência. Em 2012, candidatos que escreveram "trousse" e "enchergar" em seus textos receberam nota máxima (1.000).

Fonte: UOL Educação

 

15 de out de 2013

PROFESSOR: Palavra que inspira amor e muita esperança


Não é tarefa fácil definir com simples palavras o que significa ser professor,  mesmo sabendo que nossas primeiras palavras foram expressadas no papel através deles. As primeiras letrinhas, pequenas palavrinhas, o nosso nome. Foram eles quem nos mostraram e nos ensinaram sobre essas necessidades básicas do ser humano em seu convívio social com outros.

Como descrever tamanho amor e dedicação por aquilo que faz, mesmo enfrentando tantas barreiras e dificuldades que sempre põe a prova até mesmo sua auto-estima? E como troféu e recompensa por tamanha tarefa, recebem todos os dias o carinho de seus alunos, que muitas vezes são esses quem os desafiam e os fazem saber que sempre depois das lutas vem o prazer da vitória e do sucesso. E em razão do cansaço e desistimulo as vezes não conseguimos compreender esta verdade.

No entanto, são obrigados a entrar na guerra se utilizando com as armas que tem, seja ela adequada ou não ao tipo de batalha que estão prestes a enfrentar. Hoje o professor brasileiro, (especificamente da rede publica) tem que trabalhar enfrentando sérios problemas, que infelizmente marcam a sua jornada e quase sempre comprometem os bons resultados que se esperam. São escolas mau estruradas, salários que não condizem com o brilhantismo do papel desempenhado, a indisciplina de alunos que trazem de casa os conflitos vividos em em família, e que são gerados em péssimos rendimento tanto do trabalho do professor quanto na aprendizagem dos mesmos, o sistema defasado de ensino que limita ao professor poder ir mais longe e ser justo e coerente na hora de avaliar e estabelecer resultados. Embora tantas promessas de mudar a educação brasileira existam, ainda são meras palavras, que quando não são expressadas pela fala, são escritas em papeis e que não passam disso, palavras.

Contudo, neste tão significante dia(15 de Outubro)  quero desejar a todos os meus amigos de profissão e colegas de trabalho um DIA DO PROFESSOR repleto de muitas esperanças, e que dias de grandes conquistas passem a ser reais e que EDUCAÇÃO venha a ser aquilo que sempre foi, é e será, MUDANÇA e TRANSFORMAÇÃO SOCIAL de individuos em uma sociedade.

 

                                                                            FELIZ DIA DO PROFESSOR!!

                                                                                                   Carlos Sena




10 de out de 2013

4ª edição do Chá com Memória homenageou professores

A 4ª edição do Chá com Memória que aconteceu ontem dia 09, no auditório da SEMED, homenageou educadores do município de União dos Palmares. O evento fez parte das festividades que vem acontecendo na cidade em detrimento dos 182 de emancipação política que acontece domingo 13.

 
No encontro vários professores hoje aposentados relataram suas memórias aos presentes, desde quando iniciaram suas atividades e quais foram os professores que fizeram parte de sua vida.

"Fui a primeira diretora do Fernando Juazeiro", disse dona Terezinha Oliveira, a educadora fez os presentes voltarem no tempo com suas histórias. Das muitas escolas que passou uma especial foi a Escola Estadual Rocha Cavalcanti, onde foi diretora. Terezinha Oliveira encerrou sua fala dizendo "fiz até cortina para o quarto de Padre Donald. Como professora dedicada ele queria ver minha habilidades até como costureira", levando os presentes aos risos.
 
Cada depoimento no Chá de Memória era importante para que todos ali vissem o quanto esses professores foram importantes para muitos que hoje trabalham na área da educação possam ter um "mínimo" de segurança e qualidade de vida na profissão. "Vinha a pé ou de cavalo do Sítio Gordo para União dos Palmares quando tinha reunião ou avaliação do meu trabalho como professora", comentou dona Mariné Viera. A professora falou dos movimentos sindicais que participou e disse o quanto se orgulha disso. "Quem foi à luta era mais feliz", finalizou.

Lágrimas vieram à tona no decorrer dos depoimentos. A exemplo de dona Lú Andrade, ao ouvir o relato da irmã, a senhora Helena Cardoso, dizer que ela, Lú Andrade, sustentou a família quando o pai morreu. Fabiana Holanda, filha de Nise Bento, chorou com as palavras carinhosas que ouviu a respeito de sua mãe e sobre a felicidade de saber pelo secretário Ricardo Praxedes que a escola que será inaugurada no próximo mês no Bairro da Vaquejada terá o nome de sua mãe como homenageada.
 
Choros e muitos risos com mais histórias de Sônia Freire, Yolanda Alves, Ana Peixoto, Madalena Gonçalves, Ana Leni Barros, Helena Leris, Geni Leão, Isaura de Oliveira, Maria José Teixeira e tantas outras.
 
Na ocasião os professores que estão na ativa também falaram de suas experiências como educadores e contaram como eram seus professores.

Viva os nossos mestres!!!  

Editorial e Fotos: Blog JMarcelo

4 de out de 2013

Cartão de confirmação da inscrição no Enem 2013 já está disponível

Os mais de 7,1 milhões de candidatos do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) 2013 já podem consultar seu cartão de confirmação de inscrição no site do Enem.
 
Além da consulta online, os estudantes também receberão pelos Correios uma via de seu cartão de confirmação. Segundo o ministro Aloizio Mercadante, o envio das cartas começou a ser feito no dia 1º de outubro e todos os candidatos devem receber o documento até o dia 18 de outubro.
 
Mercadante minimizou um eventual impacto que a greve dos Correios pode causa na entrega dos cartões: "Não haverá problemas de entrega dos cartões", afirmou o ministro da Educação.
 
No cartão de confirmação do candidato devem estar seu número de inscrição, a data, hora e o local de realização das provas. Além disso, deve constar também a opção de língua estrangeira e se há algum tipo de atendimento diferenciado para a prova, como para deficientes.
 
Caso o cartão de inscrição contenha erros, o estudante deve entrar em contato com o Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais) pelo telefone 0800-616161.
 
26 e 27 de outubro
 
As provas do Enem serão aplicadas nos dias 26 e 27 de outubro e começam às 13h (horário de Brasília). Os alunos poderão fazer as provas em 1.661 cidades do Brasil.
 
No primeiro dia, os candidatos terão de resolver as provas de ciências humanas e ciências naturais, a duração é de 4 horas e 30 minutos. No segundo dia, serão aplicadas as provas de linguagens e códigos, de matemática e a redação e o candidato terá 5 horas e 30 minutos.
 
Os candidatos não poderão sair do local de provas antes de duas horas do início do exame.
 
Fonte: UOL Educação